sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Escolha de mais uma ação para a carteira

Olá pessoal.

Neste mês vendi as minhas ações da Souza Cruz (CRUZ3), conforme comentei que iria fazer no meu post de fechamento de setembro (clique aqui). Não era muita coisa, pois parei de comprar este papel quando anunciaram que ela teria seu capital fechado. Agora estou à procura de uma substituta para entrar na minha carteira de ações.



Minha carteira atual está assim: 


De cara eu já cortei empresas do setor financeiro (e serviços financeiros), pois minha carteira já está bastante influenciada por este setor. Também fiquei com um pé atrás no setor de Energia Elétrica, pois o governo atua demais e desastrosamente nesta área (acabei de tirar a GETI3 da carteira).


Ações Candidatas


Fiz uma análise dos dados das empresas que gostaria de ter em minha carteira usando o site Fundamentus e o site do Bastter. Os dados são do dia 07/10. As candidatas a entrarem na carteira são as seguintes:

  • BRSF3 - A BRF Foods seria mais uma empresa do setor de alimentos na minha carteira, só que voltada para área de carnes e derivados (ou seja, diferente da MDIA3). Esta empresa teve uma aumento de lucro líquido muito respeitável nos últimos 3 anos, chegando aos 2,4B. Tem um patrimônio estável e grande (14,7B). Tem a maior margem líquida do setor de Carnes e Derivados. Tem ROE (16,6%) e ROIC interessantes, superiores aos da JBSS3. Tem uma dívida equilibrada, não muito diferente do que já teve no passado. Tem fluxo de caixa livre positivo nos últimos 3 anos, bem positivo no momento (1,3B), dado que eu gosto bastante. Dando uma olhada no preço dela, o P/L está um pouco alto (24,63) e faz tempo que sua cotação só sobe, mas isto não é um problema e não é por isto que eu deixaria de comprar.
  • EZTC3 - A EZTec é do setor de Construção e Engenharia (Construção Civil). Confesso ter um pouco de preconceito com este setor, principalmente com os juros altos e desemprego rolando solto no Brasil. Contudo, seus fundamentos estão excelentes. Seu lucro líquido se estabilizou nos últimos balanços desde 2013, agora em 490M ("estabilizar" não é "cair", rs). Seu patrimônio vem crescendo constantemente, agora em 2,6B. Tem uma margem espetacular (53%), disparada a melhor margem da Construção Civil. Seus ROE (18,8%) e ROIC também tem muito destaque no seu setor. Dívida muito bem equilibrada, praticamente não existe. Fluxo de caixa livre estável em 2014 e positivo considerando os últimos 12 meses (322M). Está na promoção, com P/L muito interessante (3,88). Dando uma espiada nos preços (não me julguem, rs), ela vem tomando uma surra nos últimos tempos.
  • KROT3 - A KROTON é do setor educacional. Também tem a influência do governo, com todo aquele rolo relacionado ao FIES. Tem seu lucro líquido crescendo fortemente de 2011 a 2015, chegando a 1,2B. O crescimento do seu patrimônio também foi espetacular, sendo disparado a maior empresa do setor. Sua margem é muito boa para o setor (24,54%). Seu ROE (10,24%) e ROIC são baixos, os menores do setor, o que não me agrada em uma empresa de crescimento. Dívida não é problema, quase não existe.
  • UGPA3 - A ULTRAPAR é do setor de Holdings Diversificadas (mais genérico impossível, rs). Tem lucro líquido crescente desde 2007, chegando agora em 1,4B. Seu patrimônio também cresce, agora em 8,1B. Sua margem é sofrível (2%), mas é assim desde 2007 e ela vem bem. Seu ROE (17,49%) e ROIC são estáveis e me agradam. A dívida não é baixa, mas está nos mesmos patamares de sempre. O P/L está alto (26,09), mas está onde costuma estar mesmo.

Gostaria de fazer menções honrosas à TAEE11 e EQTL3, que ficaram de fora devido a eu não querer aumentar agora minha posição em Elétricas. Também ficou de fora a PSSA3, pois a BBSE3 já está na carteira. A LEVE3 também me agradou, mas ficou de fora devido ao meu critério de lucro líquido mínimo de 200M (está quase lá).


O que acham? Qual vocês escolheriam se tivessem a carteira que eu tenho?

Abraço.

12 comentários:


  1. Se eu tivesse sua carteira escolheria a EZTC3. Excelentes fundamentos e melhoria sua diversificação. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Flamenguista.

      Eu gostei bastante dos fundamentos da EZTC3. Caso eu vá aumentar novamente a carteira, ela é uma candidata seríssima. Contudo, fiquei mais tranquilo com a UGPA3, a qual foi a que escolhi. Prefiro o ramo de negócios da Ultra ao ramo da EZTec. De certa forma, já pensava em investir no ramo de Construção e Engenharia através de FIIs (que um dia irei comprar, rs).

      Obrigado pela opinião.

      Excluir
  2. Bom..dessas que está em dúvida iria de Ultrapar, apesar de ver que não tem na carteira uma das melhores da bovespa no momento, A cetip.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anônimo.

      Escolhi a Ultrapar mesmo.

      Certamente a Cetip seria uma ótima candidata se minha carteira já não estivesse povoada de empresas do ramo financeiro. Quem sabe se eu resolver aumentar o tamanho da carteira eu a compre também...

      Obrigado pela opinião.

      Excluir
  3. ID,

    Você quer mais uma empresa de consumo, para substituir a CRUZ3, ou pretende incluir uma nova empresa de um setor que você ainda não tem para aumentar a diversificação?

    Da lista que você fez, a minha ordem de preferência seria:

    BRFS3 > UGPA3 > KROT3 > EZTC3.

    Como você não tem nenhuma empresa do setor de construção e transporte na sua carteira de ações, o que acha da CCRO3 e da ETER3?

    Abraços e muita sabedoria na sua escolha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi IL,

      acabou que tive uma semana muito corrida e nem deu tempo de responder sua pergunta antes de eu me decidir. Desculpe-me. Semanas melhores virão, rs.

      Eu fiquei com a UGPA3 mesmo. A ordem que me agradou mais foi:
      UGPA3 > BRFS3 > EZTC3 > KROT3

      No fim das contas, todas estas empresas são boas e fica a cargo de características pessoais a escolha. Acabei optando pela UGPA3 devido à diversificação da holding, pelos seus produtos, pelo seu lucro e patrimônio crescentes nos últimos anos.

      Quanto às empresas que citou:

      - CCRO3 tem lucros menos firmes do que eu gostaria, suas margens estão caindo, dívida líquida aumentando e tem um ramo que o governo atrapalha bastante.

      - ETER3: Tem lucro líquido menor que 200 milhões, o que a impede de entrar na minha carteira (segundo um dos meus critérios). Fora isto, seu lucro líquido está caindo nos últimos tempos, o que certamente não me agrada.

      Obrigado pela opinião

      Abraço

      Excluir
  4. ID,

    Não gosto do setor educacional. Dessas ações, a mais resistente é UGPA3, mas a EZTC3 agrega maior valor para o acionista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anônimo.

      Fui na UGPA3. Também acredito que ela é a mais resistente das listadas. Mas também acredito nos produtos que ela vende, na diversificação de negócios da Holding e no belo crescimento que ela vem apresentando.

      A EZTC3 fica para a próxima.

      Obrigado pela opinião.

      Excluir
  5. Cara lendo seu post e vendo sua carteira, antes mesmo de ver as opções de empresas pensei logo em BRSF3.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zé Ruela.

      A BRFS3 ficou bem cotada comigo também. Quase a comprei, rs.

      Caso eu mude de ideia com relação a criar uma carteira de FIIs e aumente a minha de ações, ela provavelmente entra.

      Obrigado pela opinião.

      Excluir
  6. ID,

    No seu lugar, compraria Eztec sem a menor sombra de dúvidas. Além de cair muito bem na sua carteira, está sendo negociada por um preço que julgo muito inferior ao seu valor. Não vejo custo-benefício melhor que o dela entre as quatro citadas.

    Mas todas são boas empresas, vai da sua preferência.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi LCN.

      A EZtec está em um custo-benefício muito bom mesmo. Se ela estivesse em um ramo diferente, eu a teria comprado sem a menor dúvida.

      Mas acabou que minha preferência pela UGPA3 falou mais alto. Vamos ver no que vai dar.

      Obrigado pela opinião.

      Excluir